Curta nossa Página

sábado, 15 de julho de 2017

Número de homicídios em PE aumenta quase 40% no primeiro semestre de 2017

No primeiro semestre de 2017, Pernambuco contabilizou 2.875 homicídios, número 39,3% maior do que os 2.063 assassinatos registrados no mesmo período do ano anterior. Dados divulgados nesta sexta-feira (14) pela Secretaria de Defesa Social (SDS) mostram que o mês de junho deste ano teve 380 homicídios no estado, quantitativo que a pasta destaca como menor em comparação aos outros meses do ano. No entanto, esse número é 14,4% maior em comparação a junho de 2016, quando foram registrados 332 assassinatos no território pernambucano.

Ainda segundo a SDS, houve registro de 9.624 registros de Crimes Violentos contra o Patrimônio (CVPs), incluídos nessa categoria os assaltos a bancos e a ônibus, em junho deste ano em Pernambuco. Também nesse mês, foram registrados 2.337 casos de violência doméstica e familiar e 139 estupros no estado.

No mesmo período, ainda foram apreendidas 233 armas pelos efetivos das polícias Militar e Civil e cumpridos 432 mandados de prisão, além da apreensão de 453 menores por atos infracionais. Segundo a SDS, houve também 392 ocorrências por tráfico de drogas e 1.614 veículos roubados em junho de 2017.

No final de junho, teve início a gestão do novo secretário de Defesa Social de Pernambuco, Antônio de Pádua, que assumiu a pasta depois que o ex-secretário, Angelo Gioia, pediu demissão do cargo por motivos pessoais. De acordo com Pádua, houve estabilização no número de ocorrências como roubos a ônibus, agências bancárias, arrombamentos de caixas eletrônicas e assaltos a carros- fortes, registradas em Pernambuco no mês de junho em relação ao mês de maio.
Segundo o secretário, uma das atuais prioridades da SDS é o combate aos roubos a ônibus. De acordo com a pasta, 89 pessoas suspeitas desse tipo de crime foram presas ou apreendidas somente no mês de junho.

Por G1 PE

Nenhum comentário:

Postar um comentário