Curta nossa Página

terça-feira, 31 de maio de 2016

PM prende acusado de comandar assaltos a Posto e Lotérica

Policiais do 23º BPM após trabalho do Serviço de Inteligência e Operação Malhas da Lei prenderam ontem a  noite um dos homens que participaram de ações criminosas contra o Posto Brasilino e a Casa Lotérica A Grande Jogada, de Afogados da Ingazeira. Thiago Carvalho de Lima, 27 anos, natural de Souza-PB. Ele estava residindo em casa alugada na rua Maria Claudina, Bairro Costa a cerca de 30 dias segundo a PM, e de lá coordenava e montava os grupos para realização dos delitos. Ele tem três mandados de prisão em aberto na Paraíba. Foi mentor do assalto ao Posto Brasilino, dia 8 de maio e a Lotérica de Afogados, no dia 27. Ele foi interceptado em um veículo próximo a um estabelecimento comercial no Bairro Padre Pedro Pereira e autuado em flagrante. Ainda há investigação da participação dele em outras ações. Não está descartada, por exemplo, participação na ação contra a Lotérica de Tabira no último dia 20. Com ele, foram recuperados R$ 26.226,50 das ações e um carro HB20 usada nas duas ações, placas OWE-1208, de Natal-RN. Ainda cocaína, maconha, relógios, rádio transmissores, Tvs, DVD, mochilas, sacolas, chips de celular e documentos, parte deles falsos, em nome de Henrique Alves de Lima, nome que ele usava.  Um dos radiotransmissores pegavam a mesma frequência da PM. Ele morou alguns dias em São José do Egito. No sábado, havia sido preso Geneci Bezerra de Lima, 41 anos, residente no Bairro São Cristóvão, Serra Talhada. Ele foi contratado para resgatar os três autores do assalto a Lotérica de Afogados. Geneci informou o nome dos outros que participaram da ação: Joel da Silva do Nascimento, ex-presidiário de Floresta, Toni Deyvik Diaquino da Silva, e José Eduardo, ambos de Serra Talhada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário