Curta nossa Página

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

Líder do Governo Val do Bar anuncia que cederá lugar a Mário Amaral na Câmara de Tabira

O vereador Val do Bar, líder do Governo, anunciou ontem durante entrevista a Rádio Cidade FM que pode ter participado na segunda-feira da última sessão na Câmara de vereadores de Tabira, onde segundo ele, vem sendo perseguido. Val admitiu que será substituído pelo suplente Mário Amaral, e deu pistas de que poderá ocupar a pasta de Obras que está vaga desde a saída de Edgley Freitas. 

Perguntado se a ida de Mário para a Câmara e seu deslocamento para a Secretaria de Obras, seria a negociação citada pelo Prefeito Poeta no Grupo do Blog Tabira Hoje, Val não titubeou: “todo político faz negociata, é normal” e continuou - “Não entendo muito de obras, mais tem gente lá que entende e pode ajudar”, disse Val. 

Sobre a obra da creche reforçou as críticas feitas na tribuna da Câmara contra os vereadores que não são da comissão. Durante dois anos de mandato(2013/2014) Val do Bar foi o vereador que mais bateu no Prefeito Sebastião Dias, inclusive com ataques pessoais. Perguntado quem mudou se ele ou o prefeito, Val seguiu a cartilha do ex-vereador Paulino, dizendo que ele mesmo mudou, “fiz coisas que não deveria ter feito”. 

Sobre os questionamentos do vereador Zé de Bira a respeito do fechamento da cozinha comunitária, Casa da Costureira, Vaca mecânica, Padaria Comunitária, e paralisação do Sopão, o líder do governo não soube explicar, dizendo apenas que deve ter sido por falta de recursos. Val disse que não será candidato a reeleição para atender pedido de sua família, garantindo que a desistência não tem relação com a retirada do apoio do empresário Téia da Damol. 

Cobrado para dizer de onde a Secretaria de Assistência Social conseguiu dinheiro para implantar parques infantis, Val declarou que a resposta só virá se a câmara enviar um oficio solicitando, o mesmo vale para a prestação de contas dos recursos de Prestação Continuada, reclamado na câmara. Ao final da entrevista chegou a Rádio Cidade uma cópia de documentação da Câmara provando que no dia 15 de fevereiro foi enviado ao executivo, o oficio 039/2016 solicitando informações sobre a fonte de recursos para a compra dos parques.

Por Anchieta Santos

Nenhum comentário:

Postar um comentário