Curta nossa Página

quinta-feira, 14 de janeiro de 2016

Secretaria de Agricultura consegue captar R$ 22 milhões para reforçar orçamento no exercício de 2016

A Secretaria de Agricultura e Reforma Agrária conseguiu garantir aproximadamente R$ 22 milhões para reforçar a dotação orçamentária do exercício de 2016, apesar da crise econômica nacional que atinge os estados. O valor é bastante significativo, representando um incremento da ordem de 60% em relação ao ano anterior, resultado de uma ampla mobilização e articulação do secretário Nilton Mota junto aos parlamentares.

A verba é proveniente de emendas dos deputados da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) e do Orçamento Geral da União, o que vai possibilitar maiores investimentos no setor, sobretudo em obras de infraestrutura hídrica, no sentido de promover ações para minimizar os efeitos da longa estiagem que assola o Semiárido pernambucano, beneficiando ainda a agricultura familiar no Estado.

Do valor total, cerca de R$ 13,3 milhões são de emendas da bancada da Alepe. “Além da saúde e do FEM, os deputados elegeram a agricultura como uma das prioridades, ampliando a quantidade de emendas parlamentares para 2016. Vamos investir em ações estratégicas, para alcançarmos ainda mais resultados positivos no setor”, assegurou Nilton Mota, acrescentando que todas as emendas de 2014 alocadas na Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2015 já foram empenhadas e estão em fase de execução.   

Dentre os principais investimentos para este ano, destaque para a implantação, perfuração e instalação de poços artesianos e recuperação e/ou ampliação de sistemas simplificados de abastecimento. Também já estão garantidos recursos do Orçamento Geral da União da ordem de R$ 9,4 milhões, a serem alocados em projetos de apoio à estruturação de empreendimentos produtivos para o fortalecimento da agricultura familiar, aquisição de máquinas agrícolas e manutenção e conservação de estradas vicinais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário