Curta nossa Página

sábado, 21 de fevereiro de 2015

População de baixa renda de Pernambuco vai pagar menos pela conta de luz

O grupo de trabalho designado pelo governador Paulo Câmara para acompanhar o processo de reajuste da conta de luz, previsto para o próximo mês de maio, propôs nesta sexta-feira (20) a manutenção do subsídio que já é dado aos consumidores de baixa renda. A chamada “tarifa social” beneficia 1,2 milhão de famílias pernambucanas, o equivalente a 42% de todos os consumidores residenciais do Estado. Segundo Paulo Câmara, em 2007 o então governador Eduardo Campos isentou as famílias de baixa renda da cobrança do ICMS da energia elétrica (27%) e o seu objetivo é beneficiar, de novo, essa parcela mais desprotegida da população. “São famílias que precisam de um olhar diferenciado”, disse o governador.

Nenhum comentário:

Postar um comentário