Curta nossa Página

domingo, 28 de dezembro de 2014

Policiais são ameaçados em Tabira. Acusado foi flagrado usando loló.

A equipe da ROCAM ao realizar rondas e abordagens nas mediações do Tabira Elétrico, flagrou um individuo fazendo uso de uma substância entorpecente conhecida popularmente como “loló”.

Diante do fato, o policiamento aproximou-se momento em que ele se desfez rapidamente do produto, jogando-o em um copo de bebida alcoólica. O mesmo ao ser indagado sobre a substância que fazia uso (cheirando) respondeu ironicamente que se tratava de loló, e perguntou qual era o problema dele estar “cheirando” o entorpecente. Ele ainda afirmou que após a retirada do policiamento, ele iria comprar novamente a substância.

A equipe ordenou que o mesmo colocasse as mãos na cabeça para ser realizada uma busca pessoal, o qual recusou-se, desobedeceu, e disse que “não tinha mais nada de errado consigo.” Nesse momento foi usado à força moderada, e o acusado ameaçou o policiamento dizendo que “não iria ficar assim, que tanto fazia estar vivo ou morto, e que no Brasil estava precisando matar mais policiais.”

O acusado foi conduzido para Delegacia, onde permaneceu desacatando o policiamento, ao chama-los de “policiaizinhos”, dificultando o preenchimento do B.O sem fornecer os dados pessoais. Ele ficou a disposição da D.P local para serem tomadas as medidas cabíveis.

Nenhum comentário:

Postar um comentário