Curta nossa Página

domingo, 23 de novembro de 2014

Em Tabira população do campo grita contra situação das estradas e Prefeitura promete retomar os trabalhos em dezembro.

De dez ouvintes escutados na sexta-feira pela Rádio Cidade de Tabira, oito reclamaram contra a situação das estradas na zona rural do município. Depois outros continuaram cobrando providencias. No programa que reuniu o Secretário de agricultura Beto Santos, O Presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais Mauricio Bezerra e o Tesoureiro do Conselho de Desenvolvimento Rural Joel Mariano, o clima esquentou. Joel acusou o prefeito Sebastião Dias de abandonar o campo. “Começa a estrada e não termina. Desligou a energia de uma infinidade de poços, deixando as comunidades sem abastecimento”, relatou Joel. Beto Santos rebateu dizendo que o governo atual fez mais em dois anos do que a administração Dinca da qual Joel foi vice Prefeito em 4 anos. Admitiu que diante da crise a reforma das estradas sofreu uma paralisação, mas o prefeito já confirmou para 1º de dezembro a retomada dos trabalhos. Reclamaram das estradas os moradores da Borborema, Comichão, Queimada do milho, Santa Luzia, Cachoeira Grande, Conceiçao, Lagoa Funda, Baixa da Ovelha e Cajá de baixo.  Mauricio disse que o Sindicato está atento e pronto para cobrar ao lado dos agricultores.

Nenhum comentário:

Postar um comentário