Curta nossa Página

sexta-feira, 18 de julho de 2014

Armando lidera nova pesquisa com 40,5% de intenções de voto.

Crédito da foto: Leo Caldas/Divulgação
Liderando todas as pesquisas de intenções de voto durante a pré-campanha, Armando Monteiro (PTB), candidato a governador pela coligação Pernambuco Vai Mais Longe, consolida sua posição de destaque junto ao eleitorado do Estado. De acordo com a pesquisa do Instituto Opinião divulgada nesta sexta-feira (18), Armando está na dianteira com 40,5% da preferência dos pernambucanos.
 
Cinco meses depois de ter sido escolhido candidato, Paulo Câmara (PSB) continua com apenas 8,4%, um pouco à frente de Zé Gomes (PSOL), que tem 2,5%; Jair Pedro (PSTU), com 1,6%; Miguel Anacleto (PCB), com 1,1%; e Pantaleão (PCO), 0,9%. Brancos e nulos somam 17,3%, enquanto 27,7% disseram que estão indecisos. A margem de erro da pesquisa, que foi contratada e divulgada pelo Blog de Magno Martins, é de 2,2 pontos percentuais para mais ou menos.
 
A pesquisa mostra que Armando Monteiro lidera com folga em todas as regiões do Estado, sendo seu maior percentual no Agreste, que é o segundo colégio eleitoral do Estado. Veja os números regionais
 
Região Metropolitana
 
Armando Monteiro – 36%
Paulo Câmara – 8,5%
 
Agreste 
 
Armando Monteiro – 47,6%
Paulo Câmara – 7,1%
 
Zona da Mata 
 
Armando Monteiro – 47,6%
Paulo Câmara – 7,1%
 
Sertão
 
Armando Monteiro – 44,2%
Paulo Câmara – 13,3%
 
Sertão do São Francisco
 
Armando Monteiro – 31,3%
Paulo Câmara – 10,4%

JOÃO PAULO NA FRENTE - Na corrida ao Senado, o deputado João Paulo (PT), que integra a chapa de Armando, aparece na liderança com 35,1% das intenções de voto, seguido do candidato da Frente Popular, Fernando Bezerra (PSB), que tem 14,6%.
 
Na Região Metropolitana do Recife, que concentra mais de 42% do eleitorado de Pernambuco, João Paulo desponta com 48,4% contra 9,5% de Fernando. No Agreste, João tem 26,2% contra 10,1% de Fernando. Na Zona da Mata, o placar é de 37,6% contra 9,1%. No São Francisco, Fernando aparece com 54,5%, contra 10,4% de João Paulo. No resto do Sertão, 26,5% contra 16,8%.
 
A pesquisa aplicou mil questionários, entre os dias 9 a 12 deste mês, em 80 municípios do Estado, de todas as regiões. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais para mais ou para menos sobre os resultados encontrados no total da amostra feita em todas as regiões do Estado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário